segunda-feira, 10 de junho de 2013

DOENÇA TRANSMITIDA POR RATOS EM ENCHENTES



Ocorrência de enchentes aumenta as chances de contaminação pela urina do rato.

LEPTOSPIROSE - É nas enchentes e inundações que a urina dos ratos, presente em esgotos, bueiros, tocas e outros, mistura-se à água e a lama das enxurradas. A urina das ratazanas traz junto a bactéria Leptospira, que penetra a pele com ferimentos ou cortes, após muito tempo em contato com a água, ou ainda através das mucosas (nariz, boca, olhos, genitais e ânus). Essas bactérias podem permanecer vivas por horas, dias e até semanas se estiverem em local úmido, quente e sem incidência direta da luz solar.

Qualquer pessoa que tiver contato com a água de enchentes ou lama contaminada poderá se infectar. A presença de pequenos ferimentos na pele facilita a penetração, que pode ocorrer também através da pele íntegra, quando o tempo de permanência na água contaminada for prolongado. Além da água e lama de enchentes, as pessoas se contaminam limpando ralos, fossas e esgotos, caindo em córregos, mexendo em entulhos e lixo, catando lixo, nadando e pescando em beira de lagos, represas e rios ou mesmo pelo contato direto com a urina do roedor.